Ter que constantemente buscar colaboradores novos para substituir os que acabaram de sair é muito prejudicial para o seu negócio. Além do gasto que isso pode gerar, por conta de rescisões, acertos de contas e do custo e tempo que é preciso investir em um novo processo seletivo, a imagem da sua loja pode ficar comprometida diante dos seus clientes. Deixar um animal de estimação na mão de “estranhos” é sempre uma decisão desconfortável. Seus consumidores com certeza vão virar clientes fiéis se souberem que, no seu pet, deixarão seus bichinhos nas mãos de pessoas que já conhecem e confiam.

Quer saber então como diminuir a rotatividade de funcionários em pet shops? Aqui nós damos algumas dicas.

 

Treinamento e capacitação

Todo colaborador se sente valorizado quando percebe que a empresa está disposta a investir nele. Por isso, oferecer treinamentos e cursos de capacitação voltados à função que seu funcionário irá desenvolver é um bom investimento. Além de mostrar que você acredita no potencial da sua equipe, o serviço que seu pet shop irá prestar para os clientes estará em constante melhoria, o que pode ser um grande diferencial diante da concorrência.

 

Tente desenvolver planos de carreira ou metas claras

Às vezes, com uma equipe pequena ou um negócio poucas funções, é difícil criar um plano de carreira para todos. Mas, será que é impossível? Talvez a pessoa que está no caixa daria uma boa gerente no futuro, ajudando mais ativamente a administrar o negócio. Mesmo que não consiga criar um plano longo de carreira, sempre é possível estabelecer metas de melhoria, prevendo novos benefícios quando essas metas forem alcançadas, por exemplo. Um colaborador que está próximo de uma mudança na carreira vai com certeza pensar um pouco antes de trocar o seu pet shop por outra empresa onde terá de começar do zero.

 

Esteja atento ao mercado

É importante saber se o salário e pacote de benefícios que o seu pet shop oferece está de acordo com a média do mercado. O seu funcionário com certeza vai buscar saber quanto poderia estar ganhando em um concorrente. E, se perceber que não há grande diferença de valores, pode optar por ficar no local que já conhece.

 

Crie um bom ambiente

Nós passamos a maior parte do nosso dia em nosso ambiente de trabalho. Por isso, é muito importante nos sentirmos bem nesse local. Ser educado, justo e cordial com sua equipe não requer nenhum investimento, mas faz toda a diferença no dia a dia dos seus colaboradores. E criar algumas ações simples como bolo para os aniversariantes do mês, ou um almoço comunitário ao fim de cada ano, pode também ajudar as pessoas a se conhecerem melhor, a se sentirem valorizadas e a entenderem que são vistas como partes importantes do negócio.

 

Dê reconhecimento

Claro que todo colaborador adoraria ganhar bônus ou prêmios por executar bem o seu trabalho. Mas, mesmo que isso não seja possível, existem muitas formas de reconhecer sua equipe. Existem, por exemplo, competições de banho e tosa que dão prêmios aos vencedores. Já pensou em propor para colaboradores que se destacam inscrevê-los nesse tipo de prova? Seja como for, essa cultura de reconhecimento é muito importante, pois faz as pessoas sentirem que estão fazendo a diferença. Isso é um ponto muito positivo, especialmente entre funcionários das gerações mais novas, que gostam de sentir que realmente estão contribuindo na construção de algo de valor.

 

Cuide também do outro lado do balcão.

Agora que você já sabe como diminuir a rotatividade de funcionários em pet shops, não deixe de ver também 4 dicas imbatíveis para fidelizar o seu cliente. Afinal, trabalhar em um negócio próspero é também o objetivo de qualquer bom colaborador.